2009/12/24

Dia 182

Muitos optam pela morte, para resolver todos os seus problemas. Um ponto final, uma última página, um último suspiro, as últimas palavras, um encerramento, aplausos e a cortina abaixada. Havendo tantas formas e tantos momentos para fazer a sua vida virar morte, muitas pessoas optam pela morte - suicídio - para resolver seus problemas. Assim como aqueles que se matam aos poucos se drogando e viciando-se, há também os mais apressados que não esperam nada mais do que uma bala na cabeça ou o efeito de 12 remédios potentes no organismo. Tic-tac, Tic-tac...
Até é compreensível, tanta merda acontecendo por ai e agente ficando ciente de boa parte disso tudo. É compreensível o desejo de morrer em um lugar assim. É muito bom pensar que isso tudo pode acabar quando agente quiser. É muito bom ter o controle do nosso término. Eu entendo como é querer morrer por que não aguenta mais esse lugar. Eu mesmo, continuo infectado desse cheiro, dessa visão, desse lugar... É tudo completamente compreensível.
Mesmo assim, agente tem que levar em conta, na hora da soma de coisas boas e coisas ruins, que temos apenas essa vida, tipo, não vai ter uma reserva como nos video-games. É apenas uma e é esta aqui.
Então eu não. Eu não vou mais ai. Não vou mais participar disso. É muito estranho desejar morrer, até pra quem experimentou tanto da vida como eu. Acho que eu aguento mais essa. Aguento mais essa, não preciso acabar com a minha raça só para parar a dor. Quantas vezes ela já parou sozinha e eu não fiz nada? E se eu posso, todo mundo pode. Quando uma pessoa faz, todas podem fazer. Porque ninguém é abaixo ou superior a nenhum. Somos sombras e pó. Apenas sombras e pó.
Eu ainda espero por alguma coisa no final. Sei lá, qualquer coisa... Nem que seja apenas um 'parabéns', mas creio que há alguma coisa no final de tudo.
Muitos optam pela morte, para resolver todos os seus problemas. Mas eu não. Eu não.

Um comentário:

- Jack # disse...

momento de refexão (: