2010/12/11

Dia 526

Não faça as coisas esperando que todos sentem á sua frente e batam palmas para você. Por que provavelmente, quando isso acontecer você estará errado. Se dedique ao máximo no trabalho, mas não ao ponto de esquecer que você tem uma vida fora dele. Adote um animal de estimação, ele nunca vai te cobrar algo que ele mesmo não possa te dar. Faça uma faxina no guarda-roupa, mas antes de tudo faça uma na sua cabeça. Você tem muita coisa desnecessária ai dentro, por isso fica tão bagunçada.
Você nunca sabe que resultados virão da sua ação. Mas se você não fizer nada, não existirão resultados.
Você lê tudo que supostamente deveria ler? Pensa o que é suposto a pensar? Compra o que dizem que deveria querer? Saia de seu apartamento. Encontre-se com um membro do sexo oposto. Pare com o consumo excessivo e a masturbação. Prove que você esta vivo. Se você não reclamar sua humanidade, você se tornará apenas parte da estatística. Continue, mesmo que ninguém ponha fé em você.
As pessoas esperam barreiras e esquecem a magia.
Essa é a parte ruim: Nós morremos. Ainda bem. E outras coisas. E outras pessoas. E outros horizontes.

7 comentários:

Joahay disse...

legal seu blog, bonito
www.ointerblog.blogspot.com
me siga ai

Mayara disse...

Adorei o que escreveu, tão bonito e verdadeiro e belo e.. UHAUHAU
*-*
E pode acreditar, meu pai não é trouxa, iUHIAHIUSHAIUSHIAUHIUASHIUAHSISUHISSAUSAIUSHAIUS apesar de ter achado bem engraçado Q

Ju Fuzetto disse...

E sempre virão novos sonhos, outros caminhos, sempre, sempre!

Tão verdadeiro.

um beijo

Bruna Zumbia disse...

Parabéns Ramos, amei *-*
Me lembra Recomeçar de Carlos Drummond
beijos

Maíra Souza disse...

"Faça uma faxina no guarda-roupa, mas antes de tudo faça uma na sua cabeça."

Pena que muitas vezes a gente esquece da faxina nas nossas cabeças, as que são mais necessárias.

Muitas verdades!
Bom.. Muito bom!

Boa semana. =)

Camila Gusmão disse...

Nossa, perfeito.

Pamela. disse...

primeiro: desculpe-me pelo sumiço. é culpa minha, na verdade. eu nao entrava mais em blog nenhum, so postava algumas vezes no meu. tava fora de tudo.


quando voltei, o seu foi - ainda é ja que nao fui em nenhum outro por enquanto - o primeiro da lista.

sabe a saudade que eu senti dos seus textos?

eu estou passando por uma fase ruim, e eu realmente gostei do conteudo desse. É quase uma tapa na minha cara, para que eu acorde.

MUITO OBRIGADA :D


sua fã, pam ;*



www.descrevendoumahistoria.blogspot.com