2011/04/02

Dia 565

Negar as coisas, é a principal idéia que passa na nossa cabeça quando essas começam a ficar sérias de verdade. Eu poderia negar meu estado atual, mas na realidade isso não mudaria em absolutamente nada. Saber as perguntas certas, é melhor do que ter as respostas certas. Na verdade a minha vontade é gritar quando perguntam como eu estou: 'eu to com câncer, mas bem e você?'. Mas meu senso de egocentrismo só fala a última parte. Não queria ninguém olhando com pena de mim ou algo parecido. Afinal, até que ser careca é engraçado. Mas não queria que me olhassem diferente. Como se eu fosse um coitado, desgraçado e amaldiçoado na vida. Por que minha vida é muito boa, sempre foi, embora eu não tenha dado o verdadeiro valor pra ela algumas vezes. Mas sim, estou com câncer. Tem células ruins dilacerando minhas células boas. Tem algo dentro de mim, que me devora. E eu estou morrendo, um pouco a cada dia, mas só o corpo. E depois de saber disso, comecei a entender certas coisas que á algum tempo atrás parecia que eu nunca ia ter as respostas. A principal coisa que agente aprende quando esse tipo de coisa acontece, é parar de questionar as coisas pra ter a certeza de tudo. "E todas as coisas que perdi? E as coisas que eu mantive em segredo? E todas as coisas que eu mantive escondida na música? E todas as coisas que simplismente eu preciso?" Nunca temos certezas, certezas são pra aquelas pessoas que não amam de verdade. E eu nunca tive certeza de nada, por que quando eu achava que tinha certeza, o fácil se tornava dificil graças ao inutil. Agora, que esta chegando ao fim, eu chego a uma conclusão: Enquanto fazia as pessoas sorrirem, perdi a sensação de vazio e passei a ser feliz.

5 comentários:

Anjo Noturno disse...

Muitas coisas acontecem e nos fazem modificar pensamentos e sentimentos em nossas vidas qdo sentimos na pele circunstâncias inevitáveis.
Bom final de semana ;)

Maíra Souza disse...

É porque sorrir faz bem e ser feliz é contagiante. Basta a gente ficar perto de alguém feliz ou ler coisas alegres e muitas outras coisas. Aquilo invade a gente de uma forma meio que assustadora, mas muito boa!

Força aí moço!
BjO

Raissa;* disse...

Foi o que você me disse né? O que te faz feliz é fazer as pessoas sorrirem, e você sabe que faz isso muito bem! A cada palavra sua, me derreto e sorrio, e assim ambos somos felizes!
beeijo ;*

Aline disse...

Às vezes as pessoas precisam de um susto pra entender a magia que a vida pode nos oferecer, não como poderia ser. O que somos, pode ser o que não somos muitas vezes. E se o Monteiro Lobato fosse o Visconde de Sabugosa? Quem sabe...?

Brojato disse...

Nossa, sem palavras, se alguém um dia disser: tenho certeza esta em completa contradição, e assim é a vida, ninguém da o valor devido, até que algo de ruim aconteça que faça pensar: será que terei o dia de amanhã? E quando este dia esta por um fio que se percebe que oo importante é sorrir e fazer sorrir quem amamos...