2010/03/27

Dia 286

Andar de meia pela casa e fazer cócegas pra ver sorriso. Comer pipoca e alugar filme no sábado á tarde. Ficar conversando e rindo do albúm de fotos da infância. Dar um beijo interminável no sofá da sala. Trocar de canal na tv e ver programa começado. Tentar fazer bolinho de chuva. Juntar a bagunça quando ouvir barulho de chave na porta. Deitar no colo e cair no sono. Abrir a caixinha das 'primeiras coisas' e não se lembrar da data de metade delas. Fazer cara de inocente só para ganhar massagem. Gargalhar por gaguejar. Demorar dez minutos para se despedir. Ter a casa inteira marcada com essas lembranças.
Como é que é hein? Como é que é ficar tanto tempo com uma pessoa assim, desse jeito?
-Não tem parte boa nem parte ruim... Mas tem a parte que é sonho que vira realidade assim, num piscar de olhos!

8 comentários:

Leonardo Ribeiro disse...

Muito massa
Parabéns

Renan Ogawa disse...

As lembraças podem ser passageiras, mas os sentimentos que elas despertam NUNCA vão embora.
visite: http://renance.blogspot.com/

Alexandre Terra disse...

nossa, lindo isso......adoro esses momentos simples da vida com alguem q a gente ama!

Éris #)~ disse...

Como é que é? É a coisa mais linda que se pode viver... Um momento de felicidade nesse turbilhão que pode ser a vida.

Willians disse...

Esse foi um dos textos que mais gostei de ler na Blogsfera. Nossa, me senti super bem lendo esse lindo texto. Com a correria do dia a dia, é praticamente impossível se lembrar de momentos simples e maravilhosos como esses citados no texto. Deveriam ter mais textos como esses na Internet, simples e renovadores

Ligia disse...

Acho que me recordo desses momentos! hehe ♥

eu te amo Meu Anjo!*_*

Larissa Oliveira disse...

é quando a gente menos percebe, vemos que o tempo passou e só restou algumas pequenas e simples lembranças das coisas boas :D

Júlia disse...

muito legal parabens otimas materias no blog muito interessante
sou sua seguidora ta bom


bjim

http://batepaponanetetc.blogspot.com/