2016/02/04

Dia 2194



Eu pensei que só tava alimentando uma loucura da minha cabeça, mas quando ouvi sua voz respirei aliviado. Inteligência e bom humor. O primeiro seduz e o segundo desarma. Nocaute, cheque mate. Você me ganhou. Se eu pudesse beijava até a sua voz. Deve ser coisa de virginiana, só pode ser. Geminiana pode ser também, sei la. Não me interessa na verdade o signo dela, o que interessa mesmo é que ela exista. 
Mas como lidar garota, se eu fui fragmentado? Um ano e três meses ali, mais três anos ali. Outros três anos do outro lado. Cinco meses á partir de janeiro de qualquer ano em outro tempo. O que sobrou depois de tantos amores? 
Olha, eu sei que ser mulher é difícil e trabalhoso, eu sei, mas amar você é como enfrentar leões gigantescos diariamente. O problema é que eu estou começando a achar os leões pequenos demais. Talvez eu tenha quebrado as primeiras barreiras como o primeiro contato te enviando aquela mensagem que me senti super idiota e o primeiro encontro quando te chamei para ver estrelas. O primeiro beijo e tentar fazer aquela magia toda rolar, você pensar em mim antes de dormir. Tentar despertar em você as mesmas sensações que eu tenho quando estou com você.
No começo e no fim tudo depende de tempo. Com o tempo a gente vai esquecendo o que passou. A gente já não passa a se importar tanto com a presença de alguns. O tempo vai nos mostrando quem vai ficar e quem vai embora. Quem cansa da gente e quem não cansa. O tempo vai deixando lembranças de um passado que não tem volta. De um passado que marcou e hoje você tem que lidar com as lembranças. O tempo mostra que é possível esquecer um amor. Esquecer quem prometeu ficar, mas não cumpriu. O tempo mostra tanta coisa que só ele sabe o que está por vir. O que você pode sentir e o que você pode deixar de sentir.
Esse amor, assim como todo sentimento começa pequeno. Como uma faísca. O medo, já maior vira e diz: "Eis um pequeno, vais morrer". E que isso nunca aconteça, porque vamos queimar tudo. Então que tudo queime!

Um comentário:

Thaise Oliveira disse...

Sabe qual o nome desse filme?