2010/08/04

Dia 448

Cada um com um ponto de vista, cada um com um pedaço do quebra-cabeça. E se eu te disesse que nada é o que parece ser? Que o que você tem, na verdade não é seu. Que o que você sente, é totalmente ao contrário. Que as verdades são na realidade as mentiras e as mentiras são na realidade as verdades. Se eu te disesse que as balas não seguem em linhas reta pra onde são disparadas? Que a frente é atrás, o atrás é a sua frente. Que o direito é o esquerdo, o esquerdo é o direito. Que o fim é o começo, o começo é o fim. Que o que você acha que é, na realidade você não é. Que o que acontece, é meramente ilustrado no sonho dentro do seu sonho. Meramente significativo, que faz você acreditar que é na realidade o que você pensa ser. Pensa estar fazendo, comendo, falando, andando... Complicações surgiram, continuaram e foram superadas. Percebemos então que algumas leis não podem ser alteradas nem recontruídas, mas algumas podem ser... Distorcidas.

5 comentários:

Bruninha Bastos disse...

Nossa... Eu achei incrivel o texto...
Foi como se tudo fizesse sentido para mim mas um tudo meio distorcido...
Parabens!
Beijos

Luiz Brisa disse...

concordo
cada um pensa d um modo q juntos fazemos parte d uma conclusão

Diego S. ST. disse...

Isso se chama relatividade!
tudo que sabemos e falamos são apenas nomes, andar podia muito bem se chamar cair!
Tudo é relativo com o modo que você vê! ninguém é igual, ninguém enxerga igual, mas somos enganados igual...
olhe meu blog!

André Seyffert disse...

Isso é a realidade de uma vida Humana mas por medo de enchergar tudo isso que você descreveu, vivemos em um mundo de ilusões e mentiras para que assim possamos viver!

Jéssica Thaís disse...

é tão fácil se iludir.
porque o difícil mesmo é saber o que é realmente verdade.