2010/07/12

Dia 404

Desejo tudo de melhor pro mundo. Não essa obrigação de ser feliz. Apenas ser. Ou não. Aprender a reconhecer o valor das pequenas coisas. Enxergar com o coração. Não ser dominado tanto pela cabeça, pois essa pode ser a pior coleira. Não falar tanto sobre a liberdade. Apenas vivê- la. Não ter vergonha de ser solitário. E carente. Todo mundo é ou será um dia. Olhar pro mar e me emocionar com sua selvagem beleza. Olhar pro meu cachorrinho e me emocionar com a pureza de seu olhar. E não me importar tanto com a opinião dos outros. Se eu for ligar pro que falam eu acabo não fazendo nada de mim. A vida é uma só, não? Então está na hora de não perder mais tempo e tomar as rédeas dela: com toda pureza, beleza e selvageria que abrigo em mim.

3 comentários:

Rogerio disse...

belo texto...palavras certas...na hora certa...

Alex Holliwer disse...

Você é bom com as palavras. Parabéns.
É uma bela postagem, bastante poética.
Gostei muito do blog.
Seguindo...

Luiz Brisa disse...

concordo com o tensamento
vc eh muito bom com as palavras
^^