2010/07/26

Dia 433

Dizem que não posso me matar. Mas me dão outra solução...VIVER! Estudar/trabalhar/namorar e fazer coisas pateticamente normais que pessoas normais fazem. Ok. Não tenho super poderes, mas... quando alguém começa a insistir em planejar o meu futuro eu logo grito e mando parar, porque não tem coisa que me angustia mais do que essa vida que a gente leva sem querer levar, leva porque nasceu e não tem outra opção. Ok. Assim como dizem 'isso é certo' e 'isso é errado'.
A sua percebção de certo e errado é baseada na visão ilusória do seu mundo perfeito. Onde tudo é concretamente planejado e elaborado para ser assim. Em que tudo se resolve, apenas com um pedido e certa dose de paciência. No seu falso senso de liberdade, o mundo em questão é um certo conjunto de conceitos. Conceito sobre vida, sobre morte, sobre justiça... O seu certo e o seu errado são conclusões precipitadas, baseadas em opiniões alheias. As opiniões formadas por você, são apenas conjuntos de tantas outras formadas pelas pessoas que você conhece. É incrível como as pessoas de hoje em dia não conseguem formar uma opinião sem ter um amigo, familiar ou até mesmo o próprio Deus envolvido. Elaborar uma opinião sobre determinado assunto, apenas por refletir sozinho sobre tal parece uma missão tão dificíl para alguns. Tão dificil que nem tentam. Sabe qual o resultado disso? Um monte de cópias de cópias espalhadas aos montes pelas ruas, pelas cidades... E é ai que eu vejo, quão dificil é achar alguém para apenas conversar hoje em dia. Apenas tomar um café e papiar, sobre o tempo, sobre os carros que passam na rua, sobre a nova loja de doces da esquina... Ok, já falei demais.

9 comentários:

Um Pouquinho de Mim... LOIRA 22 disse...

Concordo plenamente... Basta olhar ao redor, não é preciso sequer um olhar distante, para percebermos que o mundo é feito de estereótipos.
A cidade na realidade parece uma vitrine... uma vitrine repleta de modelos a serem seguidos, modelos que por mais que mudem um pouco, são sempre iguais na essência: as mesmas conversas, por mais chatas que sejam, as mesmas roupas, por mais desconfortáveis que sejam... o mesmo tudo, ou seja... um modelo a ser seguido.

Parabéns pelo texto.

Beijos

Luiz Brisa disse...

concordo em parte
mas acho q basicamnt ta certo
^^

RPG Forever disse...

Faz sentido. Mas você parece meio desanimado. Há todo um mundo lá fora esperando para ser dominado, uma humanidade lá fora esperando para ser destruída... Vá a luta...

Augusto disse...

Eu acredito que o dia que temos é como queremos que ele seja. Acho que se pode escolher ter um dia bom consigo mesmo.

Rogerio disse...

não podemos fazer o dia uma rotina..por mais que cada dia tudo fica mas parecido...mas temos que viver a vida...curtindo tudo ao redor...

Fabiane Aline disse...

Eu senti que vc anda meio desanimado, mas o nosso mundo de hoje é assim cheio rótulos, uma rotina chata, etc. Cabe a própria pessoa mudar. Quem escreveu aquele texto foi Walter Elias Disney que foi um produtor norte-americano de desenhos animados e animador, mas ele ficou famoso como Walt Disney, não foi nenhum desenho, hahahaha.
Beijinhos

Camila França disse...

Concordo,
as pessoas parecem tão sem conteúdo.
Ou é o conteúdo delas que não me agrada, não me chama atenção.
As maternidades não passam de uma grande máquina de xerox. :D

Lucas Barreto disse...

confesso que não li,
mas oque é isso?
que blog enorme!
hahuahuahua
abraço

• Myla♦YlaViolet ♥ disse...

é verdade.. difícil mesmo achar alguém somente pra papiar sobre as coisas simples, inúteis, ou simplesmente simples da vida, do dia-a-dia.. sinto falta de pessoas assim ;D e não preciso nem falar que odeio o q a sociedade nos empoe né.. rsrs kissus ;*

www.ylavilet.blogspot.com