2010/02/22

Dia 271

De repente, foi assim mesmo. Como um soco no estômago e uma porrada na consciência. Foi assim que percebi quem eu era, ou melhor... Quem sou eu. Acabei me deparando com a certeza de que a razão comanda meus atos, mas o amor conduz a minha vida. Vi que sinto tudo e não sinto nada. O que eu quero dizer é que, inevitavelmente, eu vou te deixar triste, mesmo sem querer, porque o que eu sinto é diferente do que você sente. Por que somos diferentes em pontos iguais. Somos apenas nós mesmos. Mesmo que algumas pessoas queiram ser outras pessoas.
Ninguém é dono da sua felicidade, por isso não entregue a sua alegria, a sua paz, a sua vida nas mãos de ninguém, absolutamente ninguém. Somos livres, não pertencemos a ninguém e não podemos querer ser donos dos desejos, da vontade ou dos sonhos de quem quer que seja.
Nunca deixe de sorrir, por mais estranho que seja o motivo. Dizem que a felicidade se assemelha as borboletas. Quanto mais você corre atrás, mais elas fogem. Contudo, um dia você se distrai e elas pousam em seu ombro... E como semelhamos a imagem da felicidade? -Com um belo e charmoso sorriso. Por que sim, todos queremos ver seus dentes. Mesmo que algumas pessoas não tenham, queremos ver o movimento do seu rosto. Põe esse rosto pra malhar, para sorrir são utilizados 14 músculos. Vamos deixar nossos rostos como fisiculturistas. Vamos rir, até doer. Vamos ser nós mesmos, mesmo não sabendo quem somos ainda.
Tá, eu sei eu falo muito, nem sempre o que você quer saber. Eu sei. Mas mesmo assim, agente sabe que a vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade... Então sorria, pra saber que eu te fiz feliz e isso durar uma eternidade entre nós. Será nosso... segredinho!

4 comentários:

Jean Carlo disse...

bota pra malhar e emagrece hauhauah

muito bom o texto, até repassei pra alguns amigos meus

to sempre lendo oq aparece no seu blog ^^

continue assim q é sucesso

http://n317h4n.blogspot.com/

Naya Rangel disse...

Adorei o texto! É isso mesmo, a vida é tão bela e curta ... Pra que fazer cara feia? Vamos sorrir, e exercitar a nossa "alma"!

Abraços!

fernanda disse...

zZzzZzZzZzZzzZz




AUhushua

Zueiiira CuuuuNhadinho hehe

mtoo boas suas palavras ... temos q sorrir mesmo....mesmo....mesmo q não tenhamos dentes ^^

Bjs...Nanda...

ps: Rafaa...tive q por como caracteres pro comentario a palvra "CIFRUDO"... beem no seeeeu blog.... AUhsuhahsa ... Brinks

Bruna disse...

adoro seu blog, adoro o jeito como tu escreve!
vamos mesmo rir até doer, tem algo melhor do que rir?
me identifiquei com a parte "eu sei eu falo muito, nem sempre o que você quer saber. Eu sei. Mas mesmo assim, agente sabe que a vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade... Então sorria, pra saber que eu te fiz feliz e isso durar uma eternidade entre nós. Será nosso... segredinho!"
sucesso pra você!
uns beijos